domingo, 5 de outubro de 2008

Lira



como conduzir
em versos
um querer
maior que o universo?

como traduzir
no papel
um luar
maior que o céu?

desde o primeiro olhar
te rimei com o mar
desde a derradeira travessia
paisagem ditou poesia


(Cris de Souza)

10 comentários:

doka disse...

Lira, muito triste este instrumento de milagres sonolentos, que nos levam a devaneios sem fim.
Sua macia música meche com a lua que chora , e o mar, que fica muito calmo neste momento.
PARABÉNS NA ESCOLHA MINHA POETISA.

bruno disse...

Excelente!!! Clap, clap, bravo!!!

Guta :) disse...

doce e lindo :)

Guta :) disse...

fantástico!!! parabéns :)

Tatá R. da S. disse...

L-I-N-DO! *-*
Babei... @¬@
Este é o desafio e a arte de todos os poetas, pegar as grandezas mais belas do mundo e trazer pra o papel da forma mais fiel e honrosa possível!

Giu Missel disse...

eu tava pensando nisso sabia,

tava com isso na cabeça, tipo

~vc rendeu uma poesia~

adorei. bjos

Bubaloo disse...

simplesmente lindo, fada-madrinha...
sublime!

Edna.

Cesar Maia disse...

Se é você,a paisagem sempe dita poesia...

Marisa Vieira disse...

parabéns!
Tudo muito tocante e belo!

Marisa Vieira

Abraão Vitoriano de Sousa disse...

muito, muito mágico e belo...