sábado, 14 de fevereiro de 2009

Abre aspas



Se através do essencial
O coração te relê
Preciso versos
De amor lhe tecer ?

Se através do sinal
A intenção te revê
Preciso escapar
Pra você me render ?

Parte de mim é teu esquema
A outra parte é emblema

Parte do poema é teu pedaço
A outra parte é espaço

(Cris de Souza)

5 comentários:

Tatá R. da S. disse...

P-e-r-f-e-i-ç-ã-o!!!!!!
Amei!!

"Parte do poema é teu pedaço
A outra parte é espaço"

*¬*

RoDaros disse...

Falar o que???
É lindo...lindo...lindo...como tudo que leio de ti!
Parabens!

Cesar Maia disse...

Superas a ti mesmo permanentemente.Uma das mais belas das poesias que criastes.És mesmo inigualável.

malu jacques disse...

É... muito lindo!!!
Deusa das palavras e dos sentimentos!
Bjos
Maria lucia

lugullar disse...

Que outra parte, senão o enlace
Que outro esquema, senão o desejo
De onde vem todo o espaço?

De brevidades e momentos, fazem seus versos, pedaços.

Ora, não escape!